Últimas Noticias

Noticias
Temos mais tigres no meio selvagem

 

Pela primeira vez em 100 anos, o número de tigres na natureza aumentou. Depois de uma estimativa em 2010 de 3200 tigres, sabe-se que, neste momento, existem cerca 3890 na natureza.

 

Ao longo do tempo, os tigres têm sido ameaçados pela presença humana tendo que competir pelo espaço com populações humanas em crescimento, e devido à caça furtiva para comércio ilegal.

 

Desde a medicina tradicional, medicamentos populares e até como símbolos de status em algumas culturas asiáticas, o tigre (Panthera tigris) tem sido tão caçado que está em grande risco de extinção no meio selvagem. Prevê-se também que as alterações climáticas venham a afetar uma das maiores populações de tigres.

 

Esta população vive numa floresta de mangal partilhada pela Índia e o Bangladesh que pode com o tempo desaparecer, devido ao aumento do nível médio do mar.

 

Como um grande predador, esta espécie ajuda a manter os ecossistemas saudáveis, que nos fornecem água, comida e saúde estando deste modo a proteger os recursos naturais também indispensáveis à nossa sobrevivência e bem-estar


Todos juntos fazemos a diferença!

 

 

A favor da redução do lixo marinho e das suas consequências, os hipermercados e supermercados da Europa passaram a cobrar um valor pelos sacos de plástico.

 

Assim, os sacos que antigamente utilizávamos em excesso e que tinham um curto tempo de utilização, começaram a ser de mais difícil acesso.

 

Em Portugal esta medida entrou em vigor a 15 de Fevereiro de 2015 e um estudo feito demonstrou que houve uma redução média de 98% na utilização individual destes sacos de plástico leve (que passou em média de 466 para 9 sacos utilizados por pessoa num ano).

 

As cadeias de supermercados passaram também a apostar noutras alternativas, tal como sacos reutilizáveis mais caros, mas mais duradouros.

 

O sucesso desta medida de Redução da utilização de plástico veio provar que, de alguma maneira, é possível mudar o hábito dos consumidores.