Últimas Noticias

Noticias
Os pangolins estão agora mais protegidos!

 

 

Graças a um acordo internacional para fortalecer a proteção das espécies de fauna e flora selvagens ameaçadas, foi banido o comércio do mamífero mais traficado do mundo, o pangolim.

 

Os pangolins são animais noturnos solitários sendo facilmente reconhecidos por terem o corpo coberto por escamas. Estas escamas funcionam como uma armadura que usam para se proteger dos predadores.

 

Existem oito espécies de pangolim em dois continentes, quatro espécies na Ásia e quatro em África, e os seus estatutos de conservação vão de Vulnerável a Criticamente Ameaçado.

 

A sua caça tem como objetivo a obtenção da carne para alimentação e as escamas que são utilizadas na medicina tradicional e medicamentos populares para tratar doenças como a asma, reumatismo e artrite.

 

Todas estas espécies estão agora protegidas por leis nacionais e internacionais, sendo que esta nova medida criou regras de monitorização, controlo e penalizações relativamente ao comércio deste mamífero que terão, com certeza, uma resposta positiva neste tema.

 


 

Convenção de Berna

 

 

É assinada, em Berna, a 19 de Setembro de 1978, a Convenção sobre a Vida Selvagem e os Habitats Naturais na Europa. Esta convenção tem como objetivos preservar a diversidade biológica e paisagística, promovendo a cooperação entre os Estados.

 

 

As partes que assinam esta Convenção comprometem-se a preservar habitats naturais em risco e a conservar habitats de flora selvagem e espécies de fauna.

 

 

Comprometem-se também a proteger as espécies ameaçadas e vulneráveis.